Após ter desabafado que Fringe andava perdida, com episódios bem mornos e sem sal, eis que, qual fénix renascida das cinzas, começa a regressar aos grandes momentos.

O episódio 8, após uma paragem de 2 meses, foi tão desconcertante e inesperado que não pude deixar de sentir um grande alívio.

Afinal, eles sabem que sem nós, os fãs dedicados que acompanham religiosamente cada episódio, Fringe não tem futuro (ou menos futuro). E é para nós que têm de escrever episódios assim. Se Fringe não ganhou grandes audiências até aqui, não era agora que o ia fazer, e foi isso que me pareceu que os produtores tentaram fazer com os casos semanais…

Tarde ou não, estes dois últimos episódios («Back to whe’re you ‘ve never been», «Enemy of my enemy»), conseguiram renovar* toda a minha confiança para o que resta da série.

A mitologia regressou em força, caras conhecidas voltaram e agora temos objetivos estabelecidos para os restantes episódios. Ah, e nada é o que parece! E o novo vilão está assombroso!

A ver vamos como o novelo se irá desenrolar. Para já, estou a gostar.

(*) Fringe renovou a minha esperança, num curioso paralelismo com outra série.

4 thoughts on “Esta já parece ser a minha Fringe

  1. Olá Ricardo,

    Infelizmente o meu tempo livre está cada vez mais estrangulado mas este fim de semana decidi fazer uma pausa. Para quê? Pois é! Para estes dois episódios que realmente voltaram a dar um vontade enorme de ver mais, ao contrário dos últimos que tal como o Terra Nova não estavam a ser suficientemente apelativos para os meus gostos.

    Abraço

    Gostar

  2. Really?! 😀

    Hoje é mais um episódio (o penúltimo da 3ª temporada, na FOX PT).
    E, digo, quanto mais para a frente anda a série, mais me surpreende (pela positiva)!
    Como já disse, alguns episódios anteriores tiveram alguns momentos “aborrecidos”, mas que logo se tornaram fascinantes por terem, no mesmo episódio, pormenores que metiam no topo outra vez.

    Resumindo, é a tal coisa… X tem sido sempre bom, mas X+1 tem sido ainda melhor!
    Estes criadores de Fringe, se os apanhasse pela frente, aplaudia até não poder mais! 🙂

    PS: Se o post não for spoiler, diz algo e, assim, leio do princípio ao fim. 😛

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s