Rear Window (1954)

Rear Window

Há uns dias atrás, consegui corrigir uma falha minha. Não será a única, é certo, mas era algo que me causava certa comichão. Ainda não tinha visto nenhum filme de Alfred Hitchcock.

Tinha visto partes de Psycho há largos anos, e nada mais. O realizador era, para mim, apenas um nome elogiado por muitos. O mestre para aqui, o melhor para acolá. Psycho isto, Rear Window aquilo. E eu ali, especado, sem saber o que dizer. Sem saber se concordo ou não com tanta aclamação.

Não mais!

Continue reading “Rear Window (1954)”