The Strangers (2008)

Um filme que inicialmente promete muito mais do que vale. Um casal vai de férias e, rapidamente, começa a ser aterrorizado por um grupo estranho de homens mascarados.

O terror psicológico nesta fita funciona por algumas vezes, mas peca por se “arrastar” em demasia. A sensação de falsidade abunda. Tanto os psicopatas, como as vítimas são inexpressivas e sem qualquer desenvolvimento. É apenas um jogo do gato e do rato, tornando-se por várias vezes demasiado aborrecido.

Nesta linha aconselho, por exemplo, Funny Games, que consegue atingir os objectivos que este falhou.

6/10