Para além de Spock

Leonard Nimoy

Leonard Nimoy intitulou a sua segunda autobiografia «I Am Spock» mas, na verdade, foi bem mais que Spock.

«Vida longa e próspera». É, talvez, a primeira coisa a surgir nas nossas mentes, quando recordamos Leonard Nimoy. A frase (e o gesto que a acompanha), dito por Spock em «Star Trek», é uma das mais famosas do cinema.

O gesto tão característico, difícil de imitar sem o devido treino, foi uma criação do próprio Nimoy.

Para além do gesto e da frase, Leonard Nimoy prosperou de diversas formas.

Na escrita, notavelmente como poeta, na música com vários álbums lançados, na realização e na fotografia.

Foi, portanto, um homem das artes. Antes de ser Spock e depois também. Leonard Nimoy teve, sem dúvida, uma vida longa e bem próspera. Faleceu aos 83 anos, deixando um legado para além do cinema.

Antes de nos deixar, partilhou no Twitter: «Uma vida é como um jardim. Momentos perfeitos podem ser alcançados mas não preservados, exceto na memória.»

Arte de Andy Marlette

Autor: Ricardo JM Vieira

Tenho a mania das artes e acho que o sentido de humor é das melhores coisas inventadas pela humanidade. Eu, pelo menos, gostava de ter.

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s