Shadow Of The Vampire (2000)

Shadow Of The Vampire

O horror de se filmar um filme de terror. Uma abordagem interessante, devo dizer. Ainda para mais, quando o filme de terror a ser rodado é um clássico do cinema.

Shadow Of The Vampire segue uma abordagem semelhante a New Nightmare. Uma espécie de Making Off, onde acompanhamos uma interpretação dos acontecimentos aquando da filmagem de Nosferatus, o filme de F. W. Murnau, com, talvez, o vampiro mais medonho de sempre.

Elenco de luxo, com Malkovich e Willem Dafoe em destaque. Alguns momentos e diálogos bem esgalhados, mas no cômputo geral, fiquei com uma sensação que faltou ali qualquer coisa.

Talvez pelo facto de ser quase impossível alguém interpretar Max Schrek. Dafoe está muito bem no seu papel, mas a presença de Schrek é inimitável. O seu Conde Orlok ainda está num pedestal, com todo o misticismo, fascínio e assombro que possa existir.

Contudo, é um bom filme. Vale pelo conceito e pela ligação a um dos clássicos do cinema.

Autor: Ricardo JM Vieira

Tenho a mania das artes e acho que o sentido de humor é das melhores coisas inventadas pela humanidade. Eu, pelo menos, gostava de ter.

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s