RPG (2013)

RPG

Estreou na televisão RPG, um filme de ficção-científica português, bastante publicitado até, aquando da estreia no cinema.

Na altura, pareceu-me que até tinha um conceito interessante. Visuais agradáveis, atores internacionais e uma tentativa de entrar num género (ainda) pouco explorado no nosso mercado.

A hora era tardia, mas como apanhei o inicio do filme, decidi ver o que a malta tuga tinha feito.

Alguns minutos depois, estava claramente arrependido.

RPG é um filme que, na sua essência, tem um conceito engraçado. No entanto foi tremendamente mal executado. As personagens são ridículas. Não cativam, não agem de forma natural e aquele sotaque português enquanto falam em inglês (sim, o filme é totalmente em Inglês) é muito ridículo.

A história, apesar de ter um pequeno fundo de interesse, foi tão mal aproveitada, que o filme torna-se aborrecido e sem nexo nenhum. Não existe nada de realmente cativante e excitante. Tudo demasiado insípido.

Uma grande banhada, a bem dizer. Nada para ser ver aqui, portanto. Passem à frente.

Autor: Ricardo JM Vieira

Tenho a mania das artes e acho que o sentido de humor é das melhores coisas inventadas pela humanidade. Eu, pelo menos, gostava de ter.

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s