Creature from the black lagoon

Enquanto estava a ver este filme, dei por mim a pensar nas diferenças tremendas que o cinema de hoje tem em relação ao cinema de há 50 anos atrás. E não me refiro apenas e só ás diferenças técnicas.

O elenco, por exemplo, que nos dias de hoje é composto quase sempre por adolescentes e jovens com caras e corpos bonitos, e o argumento que dá sempre preferência a explosões e situações pouco credíveis sem o mínimo de explicação e, por vezes coerência. Já para não falar na montagem frenética em que não se percebe um caralho de diversas cenas.

Foi, portanto, ótimo fazer play neste Creature From The Black Lagoon e deparar-me com um elenco de pessoas adultas e um argumento mais ou menos em termos.

Pelo menos, tem vários momentos em que os atores perdem tempo a discutir as opções que lhe restam e a ponderar bem os próximos passos a tomar. Ah, e nada de movimentos bruscos de câmara.

A história segue uma expedição que anda pela Amazónia em busca de fósseis. Certo dia, enquanto eles andam atarefados a picar rocha, descobrem um membro inferior extremamente esquisito.

Rapidamente, organizam outra expedição ainda maior e, ás páginas tantas, vão parar a uma lagoa no meio da selva. Onde uma estranha criatura habita, e que não gostou muito de ver o seu habitat invadido…

Estamos nos anos 50, por isso não esperem nada mais, nada menos, que um homem num fato de borracha a fazer de criatura terrível. Oh, o horror! 🙂

Sem se tornar demasiado ridícula, a criatura funciona muito melhor na água que fora dela. Ainda assim, não esperem grande terror.

Contudo, existem por ali excelentes momentos de cinema. Um deles, é quando a criatura vê, pela primeira vez, uma figura feminina a nadar na lagoa. Grande dança entre os dois, que foi muito bem filmada. Aliás, a parte subaquática é mesmo o melhor deste filme.

O que não me agradou particularmente foi a banda sonora, especialmente a melodia utilizada para anunciar o bicho. Em vez de assustar, só me conseguia irritar. Mas enfim, nada que não se aguente.

Creature From The Black Lagoon, apesar de datado em alguns aspetos, agradou-me. Seria um bom filme para, com a tecnologia atual, levar uma revisão. Mas aposto que utilizariam jovens com caras e corpos bonitos e muitas explosões e montagem frenética.

Hum… Se calhar, é melhor não. Mais vale ficar com um homem num fato de borracha!

Poster CFTBL

★★★★★★★☆☆☆

There are many strange legends in the Amazon. Even I, Lucas, have heard the legend of a man-fish.

imdb trailer

One thought on “Creature From The Black Lagoon (1954)

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s