Final Fringe

«Walter, this is not the end», diz a certa altura, visivelmente emocionada, Astrid. Quem dera que fosse! A verdade é que Fringe, uma das melhores séries de ficção cientifica dos últimos anos, acabou.

Chegou a altura das despedidas. E, como em quase todas as despedidas, o lado emocional sobrepoem-se sempre ao lado racional. O último episódio de Fringe não fugiu á regra e, por isso mesmo, o destaque foi todo para os momentos em que as personagens que acompanhamos desde o início, se abraçam e recordam como tudo começou e como tudo vai acabar.

Fringe nunca foi perfeita! Mas sempre soube ser irreverente e como surpreender. Especialmente nos finais de temporada. Aqui não o fez. Quem esteve atento, facilmente descobre como tudo irá acabar.

Foram dadas algumas respostas, nem todas, alguns momentos pareceram apressados (tivessem mais 10 minutinhos e o episódio seria bem melhor), mas o que interessava mesmo era saber como iriam acabar Walter, Astrid, Olivia e Peter.

Em teoria, foi um caminho fácil escolhido pelos produtores. Afinal, quando se assiste ao brilhante momento de despedida entre Walter e Peter (caramba John Noble, fizeste-me largar fluídos dos meus olhos), parece que esquecemos tudo o resto.

CapturaEcra-Fringe.S05E13.HDTV.x264-LOL.mp4-2

I know, in my soul, this is what i am supposed to do. I want you to give Olivia your daughter back. I want to give you your life back. As a father, how could I not do that for you? What I said on the tape about stealing time with you, I meant it. I wouldn’t trade it for the world. You are my favorite thing, Peter. My very favorite thing.

Que momento perfeito entre pai e filho. Que performance fantástica de Noble e Joshua! E comparem a relação entre os dois, com o que era no início da série. A isso se chama crescimento de personagem. E elas todas cresceram!

Gostei bastante do momento dedicado a Astrid. A rapariga sempre esteve na sombra dos restantes, mas ainda bem que não foi esquecida. Olivia acabou por perder um pouco da sua importância nesta última temporada, mas acho que disse presente nos momentos certos.

Quando olhar para trás e me lembrar de Fringe, acho que o que virá ao de cima, serão as personagens. Por entre todos as suas reviravoltas e twists, Fringe sempre teve coração. O que começou com um pai a tentar salvar o seu filho, termina com um pai a tentar salvar a sua filha.

Um evento quase destruiu o mundo, enquanto o outro reparou-o.

Pareceu-me apenas acertado que Walter tivesse que ”pagar“ por todo o sofrimento que causou e o momento em que entra pelo portal de mão dada com a criança, enquanto o seu filho murmura «i Love you Dad», é a despedida ideal de uma das personagens mais cativantes dos últimos anos.

Fringe, you were one of my facvorite things! One of my very favorite things!

Fringe final 3

One thought on “Foste uma das minhas coisas favoritas, Fringe!

  1. Sinceramente acho que disseste mesmo tudo aqui. Senti tudo isso e mais alguma coisa.

    É sem dúvida das Séries que mais fez os nossos sentimentos proliferarem. E isso é bom. Estaremos nós a ver Séries por ver? Para isso, vê-se uma novela da televisão pública, que é o banal. Mas Fringe está longe de ser o “Banal”.

    Adorei esta série que me pareceu sempre levada como secundária compara com muitas outras que indústria tentou impingir mas que não deram em nada, na minha opinião. Aliás, repare-se que foram muitas as séries que se diziam muito melhores que esta, mas que acabaram por nem terem um fim por causa da respetiva falência.

    Portanto Fringe não foi à falência mas estranhamente nunca teve um impacto tão grande como eu daria e dou a ela. É estranho tudo isso. Será que ela é demasiado complexa para o ser médio? Talvez sim, porque repare-se: CSI abusa nas coisas estúpidas (facilitadas) como “criar um programa em visual Basic para descobrir não sei o quê de um crime” e tem muito público. Se calhar é isso, não sei.

    Bá, parabéns Ricardo pelo acompanhamento desta série. E agora espero novos artigos de novos e bons conteúdos 😉

    Abraço

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s