Batman Begins (2005)

Agora que acaba de estrear a conclusão da trilogia Batman realizada por Nolan, nada melhor que rever o filme que deu início a tudo.

E quando digo tudo, refiro-me também á febre dos filmes de super-heróis mais realistas e a um patamar de qualidade que fez com que o género começasse a ser levado bem a mais a sério, depois deste Batman Begins ter estreado.

Batman Begins, como o nome sugere, é o início.

Um novo início. Um início bem grandioso de um super-herói que parecia estar morto e enterrado. Não esqueçamos os seus últimos filmes, que vieram pela mão de Joel Shumacher e que são uma bela merda.

Ao contrários destes últimos e também dos primeiros 2 de Tim Burton (também não sou grande fã), este regresso de Batman destaca-se, claramente, por adotar um estilo bem mais realista.

Tudo parece ser credível. Não existem vilões disparatados, nem momentos realmente absurdos. O facto de Nolan ter utilizado pouco CGI torna tudo ainda mais realista. Enfim, foi uma modernização arriscada, mas que deixa quem está a ver «ligada» e interessada no destino das personagens.

Nolan também coloca muita fé em quem está a ver, pois demora muito tempo até começarmos a ver Batman entrar em ação. O primeiro ato do filme é totalmente dedicado a Bruce Wayne e á sua jornada, até criar o alter ego Batman.

Apesar de ser genuinamente interessante saber como surge Batman na vida de Bruce Wayne, Nolan arriscou um bocadinho, pois é sabido que a malta de hoje em dia quer ver e ter tudo o mais rapidamente possível. No entanto, obviamente que arriscou bem.

É também uma forma de respeito por quem está a assistir. Não existem montagens frenéticas, nem câmaras a tremerem a cada 5 segundos. Querem recompensas emocionais no final do filme? Têm que ter paciência e assistir ao desenvolvimento das personagens, nem que isso demore um bocadinho.

Com este filme, Batman «começou» mesmo. E logo da melhor forma possível!

Boa história, com grande destaque dado a Bruce Wayne, boas interpretações de um elenco de luxo e ótima banda sonora. E claro, Nolan realiza com mestria e dá-nos excelentes momentos de entretenimento.

Muito recomendado!

CITANDO:

Bruce Wayne: You’re vigilantes.

Henri Ducard: No, no, no. A vigilante is just a man lost in the scramble for his own gratification. He can be destroyed, or locked up. But if you make yourself more than just a man, if you devote yourself to an ideal, and if they can’t stop you, then you become something else entirely.

Bruce Wayne: Which is?

Henri Ducard: A legend, Mr. Wayne.

imdb trailer

8/10

6 thoughts on “Batman Begins (2005)

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s