Disse aqui que não acreditava que a selecção chegasse á final e, infelizmente, acertei. O meu maior medo não eram propriamente os jogadores, mas sim a incompetência do Carlos Queiroz.

Incrível como ele consegue eclipsar, por exemplo, o talento do Ronaldo. No jogo contra o Brasil e na parte final do encontro contra Espanha mete-o a ponta de lança. Depois, com a sua espectacular táctica de todos a defender, utiliza o pontapé para a frente e corre Ronaldo. Cabe na cabeça de alguém tirar o Hugo Almeida do jogo e meter o Danny? O que queria ele? Jogar para o empate?

Jogar para o empate foi o que ele fez nos 3 jogos da qualificação. Recordo que só marcámos num jogo e porque tudo calhou bem.  Substitui trinco por trinco… Para quê? E como é possível também, os jogadores não serem mais agressivos? Após o golo da Espanha, a meia hora final foi um autêntico baile! Os espanhóis trocavam a bola como queriam e os anjinhos ficavam é espera deles, invés de irem para cima deles. Inacreditável, sinceramente. O Queiroz queria uma cópia rasca da Grécia do Euro 2004 e fodeu-se! O futebol não deve ser para medricas e o homem não arrisca quando é necessário. É, portanto, um medricas. Rua com ele!

Substituições que não lembram a ninguém, declarações contraditórias, sistemas tácticos ultra-defensivos, jogadores revoltados, etc. Enfim, razão teve o Deco quando disse o que disse. É lamentável, principalmente para o Fábio Coentrão, o Eduardo, o Meireles, o Bruno Alves, o Ricardo Carvalho e o Hugo Almeida.

Ninguém me tira da cabeça que com outra mentalidade diferente da de looser do treinador, tínhamos grandes possibilidades de chegar, pelo menos, ás meias finais!  O mais hilariante é que agora os 22 centímetros do fora de jogo do Villa, vão servir para a o Queiróz desculpar a derrota… Se não houvesse isso, ás páginas tantas num eventual prolongamento, estaríamos num 6-4-0, á espera de um golito fortuito.

3 thoughts on “Genial, Queiroz! Genial!

  1. Olá Ricardo,

    Sem tirar nem pôr! É essa a minha opinião! Tens total razão no que dizes.

    Ria aos seleccionadores sem ambição! E mais, rua aos seleccionadores vingativos. Já repararam que não deu mais hipótese ao Deco? Não é que eu ultimamente seja grande adepto do Deco, mas o que é certo é que o Deco questionou o seleccionador e por isso foi punido. Acredito que o Nani tenha acontecido algo do género e que o Hugo Almeida vá pelo mesmo caminho.

    Já agora, perguntaram ao Deco como estava o Grupo, a resposta dele foi simples mas que diz tudo: “entre jogadores está tudo bem”.

    É triste, este seleccionador ter criado um ambiente destes. Pessoas que ganham tanto dinheiro tirado dos portugueses e não dignificam o país. Triste, muito triste.

    Abraço,
    Cláudio Novais

    Gostar

  2. Muito honestamente também não o vejo como grande treinador. E ser treinador é bem diferente de seleccionador.
    Mesmo assim é inegável que ele fez asneira nas substituições. No entanto, acho que os 11 iniciais que fez para os jogos do Mundial revelaram-se sempre acertados. O problema tem sido as alterações que faz, que demonstram ausência de ambição total. Ele é dos que prefere um empate a zero do que arriscar ganhar. E isso é algo que não se pode aceitar mas que remédio… temos de levar com eles e com o ponto a que chegou a selecção. Há muitos factores na selecção que a tornaram no que é hoje.
    Queirós é um grande profissional mas em estruturas certas.

    http://armpauloferreira.blogspot.com/2010/06/que-seleccao-temos-afinal-pensamentos.html

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s