Ficaram muitas pontas soltas, mas foi um final emocionalmente devastador.

Quando comecei a ver esta jornada, nunca, mas nunca mesmo, imaginaria que terminaria da maneira como terminou. A partir de um certo momento, era óbvio que os produtores, ou terminariam de maneira a agradar aos “man of science” ou aos “man of faith”. O final, foi claramente cheio da temática fé, um tema recorrente na série.

Não estava á espera de respostas a todos os mistérios que foram levantados, se bem que muitos deles tiveram resolução. Contudo, esperava saber mais acerca da ilha, nomeadamente porque razão era especial, porque razão tinha tantas propriedades misteriosas. Mas acho que terei que ficar com a palavra “especial” apenas.

Contudo fica aqui uma pequena observação acerca do que se passou:

A Ilha:

Tudo o que se passou na ilha foi real. O avião despenhou-se e eles sobreviveram mesmo. Eles encontraram a Dharma e os outros. Tudo aconteceu. A ilha precisava de um protector, de alguém que protegesse o seu coração (a luz) e o protector que nós vimos foi Jacob. Antes de Jacob existiu a sua madrasta e depois de Jacob o Jack que passou o testemunho para o Hurley logo a seguir. Hurley e a madrasta do Jacob, acredito, não tiveram nenhum nemesis como Jacob teve, o Homem de Negro (ou como consta pela net, o Samuel). O Homem de Negro dificultou a tarefa do Jacob, e tudo é mais dramático pois ele transformou-se no fumo negro devido ás acções do Jacob. Basicamente, ele criou uma espécie de “Diabo”, que se saisse da ilha espalharia o mal pelo resto do mundo.

Para sair da ilha o HDN, teria que matar o Jacob e os seus candidatos, caso eles existissem. Só que existiam regras específicas que não permitiam que Jacob e o HDN se matassem. Logo o HDN teve que arranjar maneira de matar o Jacob (o tal Loophole).

Jacob sabia que mais dia menos dia, teria que arranjar um substituto, mas sempre que trazia candidatos para a ilha, o HDN corrompia-os, levando-os a matarem-se uns aos outros. Isso acontecia sempre, até que um dia apareceu alguém que começou a ajudar Jacob, fazendo-o ver que se ele não intervisse mais, nunca conseguiria atingir os seus objectivos. Esse alguém foi o Richard.

Dharma

A dharma foram pessoas trazidas por Jacob (potenciais candidatos?), que ficaram curiosos acerca das propriedades especiais da ilha, criando as diversas estações e fazendo estudos. O HDN, então corrompeu o Ben e levou-o a mata-los todos (a Purge).

O Final

A realidade alternativa foi criada incoscientemente pelos nossos losties, após a sua morte. Eles tinham que viver aquilo tudo juntos, tinham que cair na ilha, sair, voltar, etc. Era o destino, como tantas vezes o John Locke referiu. Criaram uma ligação tão especial que na “outra vida”, precisavam de se encontrar novamente, até se lembrarem dos momentos que partilharam, para seguirem para um plano superior. É um conceito bonito! Viveram juntos e tinham que partir juntos, pois estava ligados para a eternidade.

O Ben não se juntou, pois precisa de se conectar com pessoas especiais. Ele precisa de “acordar” a Alex, a Roussou, o seu pai, etc. Só quando o fizer, é que poderá seguir em frente e passar para um plano superior. O mesmo acontece com as restantes personagens.

Pessoalmente, acho um conceito muito belo. Não seria este o final que esperaria, nem em 100 anos, mas acho que foi corajoso por parte dos produtores terminarem assim. Gostei e aceito, se bem que concordo que em certa parte, os produtores criaram demasiados mistérios, e no final não sabiam como responder a alguns concretamente.

Relativamente ao episódio, tenho que dizer que foi um momento fantástico de televisão! Bem realizado, planos espectaculares, actuações memoráveis e uma banda sonora tocante. Foi extremamente emotivo, tanto pelo conceito, como pela ligação a todas as outras temporadas.  De cada vez que os losties se lembravam do que viveram, era inevitável sentir um aperto no estômago. E a caminhada final do Jack até fechar os olhos, foi a cereja no topo do bolo.

Foi uma despedida sentida ás personagens que acompanhamos durante tanto tempo. Lost, independentemente de não ter acabado como muitos gostariam, será uma das melhores séries de sempre. Desde o (melhor) piloto de sempre, até este belíssimo final, Lost conseguiu criar um patamar muito difícil de bater no futuro.  Criou uma legião de fãs com os seus mistérios, e abordou a fé de uma maneira que me tocou especialmente. Basta ver a transformação de Jack, que se tornou especial. Especial como John Locke…

*Já foi anunciado que os DVD’s desta temporada terão 20 minutos extras, com respostas a alguns mistérios. Foi uma atitude claramente comercial, mas que funciona, pois tenho alguma curiosidade.

7 thoughts on “See you all, in another life

  1. Não achei o final de Lost tão “devastador” como previa! Eu queria respostas atrás de respostas a um ritmo avassalador que nos deixasse em estado de choque. O final é 99% de filosofia e 1% de explicação. A verdade é que responderam a quase tudo o que queríamos, mas deram explicações que também precisam de explicações, ora, isto não é forma de resolver nenhum mistério.

    Enfim, estava a espera de mais acção e emoção e menos teoria. Mas acredito que muitos fan boys estão a delirar.

    Gostar

  2. Sem sombra de dúvidas: “emocionalmente devastador”!

    Confirmo que aquele sentimento de drama foi dos maiores que já senti no mundo das séries/filmes.

    No entanto, a cena da igreja, não achei algo bem respondido a tudo isto. Depois de todo aquele episódio e toda aquela coisa pela reunião na Igreja, pensei que ia ser algo, digo, diferente do que toda aquela previsibilidade.

    Abraços e aguardo a tua review!
    Cláudio Novais.

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s