Eden Lake (2008)

Steve pretende pedir a sua namorada, Jenny, em casamento, decidindo levá-la até um local recatado e belo. Eden Lake, um lago enorme, rodeado por uma bonita floresta, parecia ser o local ideal para que tal acontecesse, não fosse um bando de putos idiotas e sem qualquer tipo de regras ou civismo, se intrometerem pelo meio.

O que inicialmente parece ser algo incómodo, rapidamente se torna num pesadelo.

Eden Lake é um filme de terror brutal com cenas extremamente violentas e desconfortáveis, mas, ao mesmo tempo, é um filme com miolos, com uma mensagem pertinente acerca da violência nos jovens de hoje em dia e o que a causa.

É um problema preocupante este do bullying e da violência que crianças e adolescentes praticam. É tão real, como assustador. O “eu posso” e o “eu faço” são armas poderosas nas mãos de delinquentes sem pudor, que, ambientados numa família que não impõe regras nem limites, sendo que também os pais educam na base da violência e da intimidação, não tem consciência do que fazem nem tão pouco olham a meios para atingir os seus objectivos.

Para além do aspecto sociológico da fita, Eden Lake também se destaca pelas situações que cria. E acreditem que algumas delas são profundamente desconfortáveis.

Jenny, de professora adorável, passa por cobarde e medricas ao querer deixar os jovens ficar com o carro em vez de o reclamar, terminando numa sobrevivente com uma fúria incrível e o instinto mais básico do ser humano, sobreviver a todo o custo.

Jenny torna-se no que todos nós nos tornaríamos perante igual situação.

O que fariam se vissem um dos jovens por detrás de nós? O mesmo jovem que horas atrás tinha selvaticamente apunhalado o nosso namorado? Eu não tenho dúvidas que faria o mesmo que a Jenny fez. O que Jenny não sabe é que o tal jovem se tinha arrependido do mal feito e a vinha ajudar…

Sobreviver…

É isso que impera cada vez mais. Para quê nos darmos ao luxo de sermos bonzinhos e civilizados, quando, sem termos culpa de nada, somos confrontados com situações limite.

Acredito que nem todos serão capazes de ver este filme. Mas acredito que quem vir e gostar sentirá que viu um produto muito bom. Não é um slasher-teen, nem sequer um dos recentes produtos de terror, que apenas têm gore em demasia para chamar à atenção. Este tem sangue e violência, sim senhor, mas, não é gratuita.

Uma montanha-russa de sensações que culmina num final incrível. Um pequeno retrato da sociedade actual que caminha sem rumo. Estarão as nossas crianças perdidas?

.imdb .trailer

8/10

Autor: Ricardo JM Vieira

Tenho a mania das artes e acho que o sentido de humor é das melhores coisas inventadas pela humanidade. Eu, pelo menos, gostava de ter.

7 thoughts on “Eden Lake (2008)”

  1. Desconhecia este filme, mas pelo que li, atraiu-me! Puras verdades disseste aí mesmo. A verdade é que a sociedade está a ficar sem princípios e sem valores o que significa que só quando chegam ao limite e passam dele é que têm certas noções, pesos de consciência. Mas mesmo nesses casos, os valores são tão poucos, que por vezes nem aí isso acontece.

    Basta ver pelas várias notícias que vemos de vinganças pós prisão!

    Obrigado Ricardo!😉

    Gostar

  2. Queria mesmo ver este filme mas ainda não o encontrei no Norte, pelo menos nas principais salas, algo que me deixa um pouco frustrado.

    Bom texto.

    Abraço

    Gostar

  3. Este é daqueles que em tanto filme chamado “…Lake” e o caralho me ia escapando, mas acabei por sacar há duas semanas

    Bastante bom, não é xungoso…e a gaja é optima, Kelly Ryan acho que se chama…aliás já tinha gostado muito dela no “L’Auberge Espagnol” e “Les Puppes Russes”

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s