Mirrors (2008)

Mirrors

Ben Carson (Kiefer Sutherland) já viu melhores dias. Já faz quase um ano que este ex-polícia instável foi suspenso por ter disparado fatalmente sobre outro polícia. Um acidente que não só lhe custou o trabalho, como contribuiu para o alcoolismo, causando o afastamento da sua esposa e filhos e levando-o a mudar-se para casa da sua irmã. Desesperado por voltar a endireitar a sua vida e unir novamente a sua família, Carson aceita um trabalho como segurança nocturno nas ruínas de um armazém destruído por um incêndio gigantesco que ceifou inúmeras vidas inocentes.

Enquanto Carson patrulha os escombros queimados e misteriosos do armazém, ele começa a aperceber-se de algo sinistro acerca dos espelhos que adornam as paredes do espaço. Reflectidas na superfície brilhante estão imagens horríveis que o paralisam. Para além de reflectirem imagens chocantes do passado, os espelhos parecem estar a manipular também a realidade. Quando Carson vê o seu próprio reflexo a ser torturado, ele sofre os efeitos psicológicos das suas visões fragmentadas…

Mirrors é uma adaptação de um filme coreano, dando-lhe aquele tratamento americano que possivelmente muitos gostarão, mas outros tantos, como eu, nem por isso. A premissa até pode parecer interessante, mas todo o filme não é nada mais do que já se tenha visto no cinema. Existem bastantes clichés, como por exemplo a cena em que a luz da lanterna falha no corredor escuro, sons repentinos e fortes para assustar, etc.

Existe por ali pouco ambiente assustador. Apesar de ter gostado bastante de alguns pormenores e algumas cenas, este filme é apenas razoável. As interpretações são no geral boas, com óbvio destaque para Kiefer Sutherland. Tecnicamente existem bons e maus momentos, isto é, os efeitos especiais tanto me agradavam como me desagradavam. Os planos e as cenas tanto eram bons como depois tornavam-se fracos e clichés. Por exemplo, pessoalmente detestei a cena da banheira. Achei deveras exagerada e absurda. Alguém com a mesma opinião?

Em suma, este filme não é mau, mas também não é grande coisa. Fica-se pelo satisfatório e, a sua visualização, dependerá de cada um.

Espelhos de Alexandre Aja

trailer imdb

6/10

Autor: Ricardo JM Vieira

Tenho a mania das artes e acho que o sentido de humor é das melhores coisas inventadas pela humanidade. Eu, pelo menos, gostava de ter.

1 thought on “Mirrors (2008)”

  1. Até meio do filme, estava a gostar. Mas depois descambou completamente! O bicho já andava na água, a velha já parecia uma zombie… Enfim… Sem pés nem cabeça…🙂

    Abraço

    Gostar

Comentar

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s